Devolução de vendas não é o mesmo que estorno

As notas fiscais em cada Estado têm um prazo para o cancelamento, que pode ser feito por diversos fatores. Após esse prazo, não é possível cancelar. Dependendo do objetivo, deve ser feita uma nota de devolução de vendas ou de estorno.

É muito comum que se confunda que o inverso de venda é devolução. No caso, o inverso de venda é compra.

Apesar da devolução devolver impostos, estoque e dinheiro, para o fisco não é uma devolução.

 

Estorno

Se a mercadoria não circulou, e se passou o prazo legal de cancelamento da nota, o correto é fazer um estorno.

A mercadoria é devolvida ao estoque e o imposto da emissão da nota também.

Não esquecendo que é necessário justificar o estorno.

 

Devolução

Pode ocorrer por diversos motivos. Por exemplo: desistência do cliente após a emissão da nota, atraso na entrega e etc.

Desde que ocorra entre a saída da mercadoria da empresa até a chegada no cliente.

E também só é feita após o prazo legal de cancelamento, e para que possa emitir uma devolução, não tem prazo.

 

 

 

Mas quando se trata de ajustar essa situação no sistema, e para que não exista dúvidas na hora de produzir uma nota. A V2Saúde facilitou de várias formas para você.

O próprio sistema verifica se deve ser feita uma nota de devolução ou estorno, facilitando no seu dia-a-dia.

 

Com a V2Saúde você só tem vantagens, agende já uma reunião e adquira nosso sistema de gestão de OPME.